Estimulador do nervo vago (VNS)

Estimulador do nervo vago (VNS)

Trata-se de  um sistema de estimulação crônica e intermitente no nervo vago através de um eletrodo conectado a um gerador de pulso programável.

Funciona como um “marca passo” que envia estímulos não contínuos ao cérebro fazendo com que haja alteração es físicas e químicas cerebrais.

Seu objetivo é ajudar no controle de crises com redução de cerca de 50% das mesmas.

É colocado através de uma cirurgia extracraniana onde se implanta o eletrodo no pescoço e o gerador no peito.

O efeito no controle de crises não é imediato. Percebe-se melhora a partir de 4 a 6 meses podendo a chegar a 1 ano.

Após a colocação cirúrgica deve-se esperar cerca de 15 dias para ligá-lo.

A ligação é feita no consultório onde o médico aumenta progressivamente a “dose” de energia entregue ao cérebro. Geralmente deve-se fazer consultas semanais ou quinzenais para o aumento da dose até chegar na dose desejada.